person_outline



search

Lapalissada

              Jacques II de Chabannes, senhor de La Palice, morreu na batalha de Pavia em 1525. Seus soldados o homenagearam com a seguinte canção:

Hélas, La Palice est mort,
Est mort devant Pavie.
Hélas, s'il n'était pas mort,
Il serait encore en vie

              Como o Google Tradutor nos informa, a tradução é que Palice morreu em Pavia mas se ele não tivesse morrido, ainda estaria vivo. O estilo foi batizado de lapalissada, que consiste em repetir o óbvio. G.W. Bush certa fez falou: "A maior parte das nossas importações provém de países estrangeiros" (mas o caso de Bushinho era retardo mental mesmo).

              "E o que me importa?" deve ser a pergunta óbvia que você se faz agora. Procure buscar nos hipnóticos discursos de nossos políticos, exemplos deste recurso de retórica. Decomponha e desmascare a cantilena política cotidiana e veja o sentido que as frases realmente tem. É difícil, pois é como ouvir um jogador de futebol: "A gente deu o nosso melhor e conseguimos os dois pontos ..."; é praticamente impossível manter o foco.

              Mas se você tiver força de vontade, estômago e muita concentração, conseguirá ouvir além da ladainha medíocre e concluirá, na maioria das vezes, que se eles não tivessem dito nada, não teria feito a menor diferença.

Pin It
Atualizado em: Sex 13 Nov 2020

Deixe seu comentário
É preciso estar "logado".

Curtir no Facebook

Autores.com.br
Curitiba - PR

webmaster@number1.com.br

whatsapp  WhatsApp  (41) 99115-5222