person_outline



search

Doce chuva

Chuva, eu a amo, senti saudade dela quando o sol tomou seu lugar e as nuvens não choravam há tempos, estou feliz, lembro-me toda vez que puxo as cortinas e vejo através da janela as gotas caírem, de que isso sim é amar algo, eu suponho. Eu amo tanto ela que se pudesse eu ficaria embaixo dela até me afogar em suas águas salgadas, navegaria em um barco de papel que provavelmente afundaria após alguns pingos rasgarem as velas e encharcarem a bombordo e a estibordo, minha morte por afogamento seria inevitável de qualquer forma.
Imagino que seja doentio pensar desse jeito, mas mesmo que ela traga o frio quando retorna, só consigo me sentir aquecida e segura, me pergunto se a chuva representa alguém para mim, talvez eu a ame assim por que possui as mesmas características de uma pessoa que eu poderia vir a amar, talvez a ame assim por que suas gotas são a única coisa que preenche meu coração vazio umedecendo a seca que o calor trouxe. Bom, espero que a chuva não vá embora, e que fique mais um tempo, por que quando ela se for, espero que essa pessoa quente que ela representa, tome o seu lugar.
Pin It
Atualizado em: Qui 21 Fev 2019

Deixe seu comentário
É preciso estar "logado".

Curtir no Facebook

Autores.com.br
Curitiba - PR

webmaster@number1.com.br

whatsapp  WhatsApp  (41) 99115-5222