person_outline



search

PSYCHOSOCIAL Capitulo 9

CAPITULO 9

O FIM DOS TEMPOS

 

Depois da chegada,do grande
Cometa,muitas alterações ocorreram
na Terra.O que antes era considerado
impossível,agora era uma realidade,
na vida dos seres humanos.
Curas e mais curas foram formadas,
pesquisadas,e descobertas.Muitos dos
problemas,que acometiam á todas as
sociedades,foram resolvidos,e por
um curto tempo,estes seres
viveram em paz.
Mas eles nunca anseiaram,pela
tranquilidade de verdade,por isso
o seu sussego durou pouco,e não
tardou,para que uma terrível
guerra se iniciasse...
12 de Dezembro de 2013,um
novo Ditador assombra aos dias
dos eleitores,ameaçando todos
aqueles,que forem contra
as suas leis.
No início,ele destroi,apenas
ao continente onde nasceu,mas
dominar apenas á América,não
é o suficiente,para alguém
com fome de poder.
Por isso,ele prepara as suas
melhores tropas,e invade país
por país,tomando espaço por
espaço,até que conquista,ao
que todos os vilões tanto
desejam...O Nosso
Mundo.
Mas este homem não está
sozinho,não,ele possui ao apoio
de algumas Nações,que uniram-se
á sua causa,na tentativa desesperada
de sobreviver,e incentivar ao seu
povo,á seguir apenas á um
Deus.
"Temos que correr...Temos
que correr.Matar para viver,
este é o novo lema,do que os
tolos,chamam de Novo
Mundo"
Pensa Corelle com os olhos
assustados,correndo por uma
rua deserta,com mechas brancas,
misturadas ao negro do seu cabelo.
Usando uma roupa,diferente do
comum,como se fosse uma
punk,com face gótica.
-Por quê está correndo?
Pergunta uma menininha,que
surge no meio da rua.Olhando e
sorrindo para jovem,enquanto
tira os longos cabelos negros
do seu rosto,e exibe uma
enorme cicatriz na
testa.
-Fique longe de mim.
Corelle responde recuando,
sentindo um enorme calafrio,
que não deixa transparecer
para o inimigo,mantendo
um olhar furioso.
-É uma pena...Seria
mais fácil te matar se nós
fôssemos amigas...Mas já
que não quer assim...
Responde á menina,enquanto
uma linha surge,nos cantos das
suas bochechas,escorrendo rios
de sangue,como se uma pessoa,
estivesse passando uma gilete
na sua mandíbula.
-SERÁ DO JEITO MAIS
CRUEL E DIFÍCIL!
Grita á criatura,voando para
á direção da dama,como se fosse
um fantasma,com á boca aberta,
cheia de dentes,dignos de um
tubarão branco.
Porém quando ela chega perto
da garota,esta dá um passo para trás,
usando os seus braços como escudos,
e a rival some,como se fosse fruto
da imaginação da bela,que
fica paralisada ali.
-O quê?
A dama se pergunta,com
uma expressão incrédula em
seu rosto,virando-se para os
lados leste e oeste,com um
olhar desconfiado.
Nada acontece,apesar daquele
clima de névoa,provocado pela
radiação,que deu ao Grande e
Poderoso Ditador do Novo
Mundo,o cargo que hoje
excerce.
Nenhum sinal da estranha
menininha,necas,ela sumiu.
Sentindo-se tranquila,a dama
relaxa á sua postura,e fecha
os olhos,pois a primeira
batalha daquele dia,
havia acabado.
É quando a criatura volta á
aparecer,e agarra-lhe pelas costas,
mordendo ao seu pescoço,com tanta
vontade,que deixa até o seu osso á
mostra,fazendo-a sangrar rios
vermelhos.
-ME SOLTA!
A rebelde grita,sentindo os dentes
da criança,penetrando á sua carne,
com vontade e tanta intensidade,
que jorra rios avermelhados,do
seu ferimento aberto.
Só que isto,não é o mais
assustador,ela não queria lhe
matar,ela apenas morde essa
parte da jovem,e a empurra
no chão,logo em seguida.
-Não podes fugir da verdade,
ela vai te encontrar,e ela vai te
iluminar.Deus é o Grande e
Poderoso,ouça á sua voz.
Diz a menina,com os lábios
sujos,daquele liquido vicoso e
rubro,em um sorriso macabro,
no seu rosto sem mandíbula,
enquanto um par de asas
de energia,surgem nas
suas costas.
E lhe fazem levantar vôo como um
pássaro,enquanto á vítima revira,
de um lado para o outro,até que
não suporta mais,e começa á
cuspir sangue,sem parar.
Agonizando ali,até as suas
íris,deixarem de ser verdes,e
mudarem para o vermelho cor
de rubi,enquanto sente o seu
peso mais denso,e cai no
chão,com o ferimento
regenerado.
"Não me deixe,não consegue
entender...Que quando você se
livra de mim,coisas crueis e ruins
ocorrem á ti?Eu nunca fui o seu
problema,e sim á sua solução"
Um clarão se expande,diante
dos olhos da pobre vítima,até que
ela vê,uma triste lembrança,que
vem lhe assombrando,desde o
momento,em que o Fim dos
Tempos,se iniciou.
Ela está diante de Larry,
o único homem á quem sempre
amou,e o único que viveu tempo
suficiente,para esconder dela,
os piores,e mais tenebrosos
segredos.
-Não.
Tudo indica,que nós
devemos nos separar!
A jovem responde,com lágrimas
escorrendo em sua face,enquanto
segura no rosto,do seu amado,e
também odiado tutor,que
tenta se explicar.
-Você mentiu pra mim,
e matou todos os que amei!
Eu não posso suportar isso!
É demais pra mim...Adeus
Larry Coltown...
A jovem grita,se afastando,
e dando as costas para o homem,
com os olhos magoados,e também
rancorosos.Cansado de se explicar,
o belo doutor olha para ela,com
tristeza,e some como um vulto.
-Larry...?
A jovem se vira para trás,
procurando por aquele calor
que á protegia,mas o psicopata
não está mais lá,e agora sim,
ela está definitivamente
sozinha.
Nos primeiros momentos,á
garota sofre desesperadamente,
implorando para ter o demônio
de volta,implorando para que
ele venha acalmá-la,quando
desperta de um pesadelo,
mas ele nunca vem.
Sendo assim,ela passa á se
criar,como se fosse uma menina
da rua.Fazendo as tarefas da casa,
aprendendo á se defender contra
os ataques das sombras e da
luz,que constantemente
lhe perseguiam.
E antes,que ela finalmente
tenha,aquilo com o que sempre
sonhou.Tudo o que imaginava
ser real,acaba ocorrendo,e o
Grande Ditador ascende ao
Poder no seu continente
natal.
Mas á sorte,parece sorrir para
este lider comunista,pois na mesma
semana,em que domina cada grão
da terra onde nasceu,o mar é
infectado pela radiação,de
duas usinas nucleares.
Transformando seres humanos,
em criaturas bizarras,cujo o efeito
varia de pessoa para pessoa,pois
cientistas comprovaram que no
fim,os terrestres não só eram
parentes de macacos,como
também de outras
espécies.
E apesar do Sr.Sad Markins,
não ter preparado nada,á cura
foi encontrada por um dos seus,
e assim ele adquiriu força o
suficente,para tomar
posse do planeta.
-É hora de acordar Luhylin...
Diz uma voz doce e macia,em
plena aquela escuridão,tocando
o braço de Corelle,e fazendo-a
despertar.
Olhando para o seu redor,
a dama da noite,gira com cautela,
procurando algum rastro do lugar,
onde adormecera,após o ataque
direto do querubim.
Não mais estava na rua,
estava deitada,em uma bela
cama de casal,coberta por um
lindo vestido de alças de joias,
todo negro,e detalhado com
pedras brancas.
-Venha comigo...
Diz aquela menina de antes,
com um lindo vestido clássico dos
anos 50,parecendo ser um anjo,de
lindos olhos verdes,pele pálida e
cabelos escuros.Que puxa ao
pulso da rebelde,com um
sorriso,e lhe conduz.
Seguindo á garota,a jovem acaba
em um longo,e luxuoso corredor,de
constrastes harmônicos,de rosa com
detalhes feitos de branco,que á leva
á uma sala de jantar.
Onde encontra um lindo
homem,de longos cabelos loiros,
olhos azul piscina,e pele pálida,
que está vestindo,um lindo e
caro terno branco,com o
sorriso maldoso.
-Sente-se...menina.
Diz o tal homem para á jovem,
que o olha confusa e desconfiada,
mas obedece aquela cortezia,que
mais parecia ser uma ordem,
sentando-se na cadeira á
frente do estranho.







"Não ouça nenhuma palavra
deste ser,ele não é humano,finge
zelar pela humanidade,mas só
almeja o poder"
Diz a velha masculina,na mente
da bela dama,que depois do sumiço
de Larry,se tornou á sua proteção,
e o seu melhor amigo.Dizendo-lhe
tudo o que deveria saber,e até
o que não deveria.




"É o Fim dos Tempos,
e uma nova esperança,
está nas mãos de um anjo,
mas será que Ela vai lutar
para salvar um mundo,que
só lhe trouxe desabores? 

Pin It
Atualizado em: Ter 24 Mar 2020

Deixe seu comentário
É preciso estar "logado".

Curtir no Facebook

Autores.com.br
Curitiba - PR

webmaster@number1.com.br

whatsapp  WhatsApp  (41) 99115-5222