person_outline



search
  • Contos
  • Postado em

Pobre menina rica. Rico menino pobre.

Pobre Carolina, menina rica.
Feliz por fora, triste por dentro.
Era amiga da dor, e não conhecia o amor.
João menino rico, mesmo que pobre.
Não possuía bens, mas possuía muito além.
Era amigo do amor, e vivia a fugir da dor.
João pedia dinheiro e dava sorrisos.
Carolina pedia sorrisos e dava dinheiro.
João fazia milagres de alegrias com o seu pião.
Carolina nunca ousou tirar da caixa suas bonecas.
Carolina tinha horário para comer.
João não tinha horário e nem comida.
A casa rica para João era feliz.
A casa rica para Carolina era monótona e chata.
Carolina cobiçava a vida insana que João levava.
João só queria um lar.
Pulseiras de ouro, brinquedos caros, roupas de marcas, sapatos, sapatos e sapatos.
Alguns trocados na mão, um short desfiado, um chinelo arrebentado e um boné velho virado para trás.
Pobre Carolina, tinha um portão gigante que a prendia.
Rico João, tinha o mundo nas mãos e queria um portão que o prendesse.
Garotinha rica de se lamentar, certo dia, foi assaltada no portão de sua casa.
Mamãe brigava com ela por ter deixado o portão aberto.
Pobre mamãe, mal sabia ela que naquele dia a culpa não era do portão, e sim de João que se perdeu.
Pobre João, agora tinha uma pulseira roubada e uma tristeza no coração.
Pin It
Atualizado em: Sáb 25 Abr 2020

Deixe seu comentário
É preciso estar "logado".

Curtir no Facebook

Autores.com.br
Curitiba - PR

webmaster@number1.com.br

whatsapp  WhatsApp  (41) 99115-5222