person_outline



search

Essência Temporal

Te amarei mesmo fingindo dizer não
Na altitude de um olhar figurando o não te amar, te amarei em amplidão
Exclamarei e carregarei comigo novos sonhos, mas será o teu conforto a minha realização

Te amarei sem palavras, no silêncio de um abraço
Num fio de um olhar lateral, na casualidade de um encontro
Nos gestos desfigurados e talvez bem ensaiados, te amarei fingindo não

Te amarei sem te olhar aos olhos temendo mergulhar no óbvio e a tua descoberta
Sim, carregarei comigo essa farsa bem vestida de sorriso por não me fazer mal algum
Pois meu anseio de amante trovador é rimar o meu amor com a felicidade que ele tiver
Não me importa se estou a umas mil léguas, se estás aqui ao lado...
Sentirei só o embaraço de amar um mal-me-quer

Te amarei como amo a um beija-flor, relembrando um amor bem cantado por Cazuza
Vestirei vez por outra uma saudade, navegarei por outros mares até um dia desamar...

Te amarei grão e gota do meu tempo, amando outros vãos momentos
Não te amando em te amar.
Pin It
Atualizado em: Qui 18 Set 2008

Comentários  

#2 azara 22-03-2012 11:03
Parabens ,gostei.Abraços
#1 azara 22-03-2012 11:03
Parabens ,gostei.Abraços

Deixe seu comentário
É preciso estar "logado".

Curtir no Facebook

Autores.com.br
Curitiba - PR
Fone: (41) 3342-5554
WhatsApp whatsapp (41) 99115-5222