person_outline



search

dissimula-se o que dizem os olhos

era definitiva a forma como me olhavam aqueles olhos castanhos em brasas, querendo invadir em mim os mais aferroados pensamentos dos quais nunca nutri os meus. novidade era estes olhos cercando o hábito que nunca atendi. buscavam nos meus a descompostura espontânea de um susto infantil, algo que se deflorasse com a súbita pretensão do que já ardia de malicia e pressa. e depois conceber dos meus o que os próprios viam dos outros olhos. como provar da sensação minha o que a sensação alheia me provocava. bastava-lhes isto para o controle do todo, confiando ao ato o implícito desejo de conjugarem-me sua. no entanto, como que meus olhos estivessem perdidos naqueles, ali enxergaram o mesmo. e agora é inevitável que eu os tenha igualmente.
Pin It
Atualizado em: Qui 18 Set 2008

Comentários  

#4 SANTOSH 23-11-2008 12:40
Como provocam e invadem, os teus olhos!
#3 SANTOSH 23-11-2008 12:40
Como provocam e invadem, os teus olhos!
#2 eldersp 20-09-2008 19:27
Belo texto!!! Lindos olhos!!! rs, rs...
#1 eldersp 20-09-2008 19:27
Belo texto!!! Lindos olhos!!! rs, rs...

Deixe seu comentário
É preciso estar "logado".

Curtir no Facebook

Autores.com.br
Curitiba - PR

webmaster@number1.com.br

whatsapp  WhatsApp  (41) 99115-5222