person_outline



search

O amor na pele

Cuido tão bem das palavras,
que posso toca-las, senti-las
entre os dedos.
O medo torna a vida preciosa,
o seu riso corre solto em minhas artérias,
espesso e morno,
idêntico a um pico em abstinência.
Já o amor é imponente,
mercenário
e infiel.
Amo a morte
a vida
as mulheres
e alguns rapazes
Na vida, assim como no amor desejos e prazeres são indispensáveis.

"Poemas de amor e opióides "
Pin It
Atualizado em: Seg 25 Jul 2022

Deixe seu comentário
É preciso estar "logado".

Curtir no Facebook

Autores.com.br
Curitiba - PR

webmaster@number1.com.br

whatsapp  WhatsApp  (41) 99115-5222