person_outline



search

Minha desgraça

Nesse joguinho
De achar que não sinto
Nada do que sinto
Eu sempre saio perdendo

Nesse joguinho
De achar que não devo
Eu sei que devo
Ta pior do que já estive

Nesse joguinho
De achar que já era
Eu sei que já era
Hora de perceber

Que essa vida sem graça
Tem sim muita graça
E eu fico rindo mesmo
Da minha desgraça

Nesse joguinho
De achar algum sentido
Eu sei que não faz sentido
Mas eu admito

Que essa vida as vezes sem graça
Tem sim muita graça
E eu rio mesmo
É da minha desgraça
Pin It
Atualizado em: Dom 29 Mar 2020

Deixe seu comentário
É preciso estar "logado".

Curtir no Facebook

Autores.com.br
Curitiba - PR

webmaster@number1.com.br

whatsapp  WhatsApp  (41) 99115-5222