person_outline



search

Vida Cigana

Encaixotei as dores e fui viver uma vida cigana de amores,
Como um pássaro, vasculhei flores, pousei em galhos firmes, espalhei frutos pela floresta e continuei a voar atrás de novos horizontes,
Vejo um rio correndo solto, levando as minhas memorias e a minha inocência na mesma direção, sigo em frente com o meu caiaque desviando do curso do rio para não cair em uma cachoeira profunda de emoções,
A chuva cai, a minha alma esta limpa, o frenesi e as experiências da vida são uma construção sem fim.
Pin It
Atualizado em: Seg 6 Jan 2020

Deixe seu comentário
É preciso estar "logado".

Curtir no Facebook

Autores.com.br
Curitiba - PR
Fone: (41) 3342-5554
WhatsApp whatsapp (41) 99115-5222