person_outline



search

VÃOS

Tão estridente é o eco do minuano

dessa noite esculpida no maremoto

sanguíneo que rompe os halos e o pó

violeta das rajadas do céu de estanho.


Tão inexistente é o poema com ponto

desse poema teimoso entre um sonho

de cantarolar a palavra no tom do verso

que sai espremido dos miolos do poeta.


Tão fremente é a poesia, pois incompleta.

Pin It
Atualizado em: Sex 9 Ago 2019

Deixe seu comentário
É preciso estar "logado".

Curtir no Facebook

Autores.com.br
Curitiba - PR

webmaster@number1.com.br

whatsapp  WhatsApp  (41) 99115-5222