person_outline



search
  • Poesias
  • Postado em

Olá filho!

Depois das nuvens, apareço no quarto que fazia parte da minha casa na adolescência, lá estavam minha mãe costurando a mão sentada em uma cadeira e minha irmã sendo irritada por um certo eu, a paz estava presente no ar e o sentimento real de viver esse momento curto, porém único.
Minha mãe repetiu umas três vezes:
- Para menino de bagunçar, pare de provocar sua irmã!
Mas eu estava elétrico, então parti para cima da minha mãe fazendo cocegas nela interrompendo o seu trabalho, ela deu varias risadas e depois me xingou bastante e ainda correu atrás de mim com um chinelo na mão, eu fui parar no quintal aonde recebi a proteção dos meus cachorros.
A alegria, os sorrisos, a lembrança com um toque surreal de realismo, a sensação de poder vê, sentir e ouvir mais uma vez a minha Mãe.
A se eu pudesse dizer, o quanto eu sinto saudades e o quanto foi bom ter ela aqui comigo.
Foram tantos ensinamentos, carinhos, exemplos, respeito e muito amor...
Pin It
Atualizado em: Seg 28 Jan 2019
  • Nenhum comentário encontrado

Curtir no Facebook

Autores.com.br
Curitiba - PR
Fone: (41) 3342-5554
WhatsApp whatsapp (41) 99115-5222