person_outline



search
  • Poesias
  • Postado em

Hey, Geraldo!

Cidade concentrando grande parte da riqueza
Palco perfeito para a destruição da natureza
No auge de toda a sua avareza
Falta água e sobra estranheza

Gente xenofóbica falando do Nordeste
Discriminando os "cabra da peste"
Gabando-se da superioridade do Sudeste
Mas sofrendo com problemas da Sabesp
E no Estado não tem água de Leste a Oeste

Resta torcer para chover
Assim o ouro do século XXI irá permanecer
E não ouvir o governador prometer
Que a situação já está perto de ceder

Hey, Geraldo!
Mandachuva de São Paulo
Manda água lá do alto
Hey, Geraldo!
Torça para chover em São Paulo
Ouça o que eu clamo
E não destrua o Estado que eu amo!

O que poderei fazer
Sem água para sobreviver?
Diga que esta estiagem
Não é apenas uma miragem!

O Estado mais rico da nação
Nunca achou que ficaria na mão
Os elementos naturais que se curvem
Nunca se esperou tanto por uma nuvem.
Pin It
Atualizado em: Seg 3 Set 2018
  • Nenhum comentário encontrado

Curtir no Facebook

Autores.com.br
Curitiba - PR
Fone: (41) 3342-5554
WhatsApp whatsapp (41) 99115-5222