person_outline



search
  • Poesias
  • Postado em

Remédio

Não sei como eu insisto
Em tolerar o seu surto
Te vendo estourar
Esse seu pavio curto
Um pensamento de endoidar
Da sua mente, eu furto

O seu jeito é errado
Como se você nunca tivesse notado
Que com o seu ódio controlado
Eu poderia ter te amado

Sinta esse sabor
Escute o meu clamor
Estamos a todo vapor
Juntos, explodindo!
Separados, admitindo!

Nas escadarias do prédio,
Eu tenho o privilégio
Nas escadarias do prédio,
Discutir com você é o meu remédio.
Pin It
Atualizado em: Seg 3 Set 2018
  • Nenhum comentário encontrado

Curtir no Facebook

Autores.com.br
Curitiba - PR
Fone: (41) 3342-5554
WhatsApp whatsapp (41) 99115-5222