person_outline



search

"Nós"

Eu me vi emaranhada em nós
Tais do que eu não podia desatar
Nós cegos... nós apertados.
Na minha incessante busca por alguém
Que me desmanchasse,
Do qual fosse capaz de desvencilhar-me
De inúmeros nós que
A vida tinha me apetecido. 
Encontrei-te debaixo da
Penumbra que te recobria
Perdido em meio suas tempestades
Sobrevivente à um naufrágio de solidão.
Tão diferentes, mas ao mesmo tempo
Tão parecidos... mesmos sonhos e anseios.
Ainda carrego nós do meu passado
E você cicatrizes quase incuráveis.
Quero me desatar desses nós
E amarrar-me em "nós".
Vivo não só para mim,
Mas por "nós".
Afinal, a nossa felicidade
Não depende só de mim ou de você...
Mas sim de "nós".
Pin It
Atualizado em: Seg 30 Jul 2018

Deixe seu comentário
É preciso estar "logado".

Curtir no Facebook

Autores.com.br
Curitiba - PR

webmaster@number1.com.br

whatsapp  WhatsApp  (41) 99115-5222