person_outline



search

UTOPIA

Calado sinto meu folego se esvaziando

Pois a saudade que eu sinto já é tanta

Vejo teu rosto, quase que posso tocá-lo

Sentir teu beijo, ouvir tua vóz que tanto encanta.

 

Tua presença é como a brisa da manhã

Vem e agita as cortinas do meu quarto

Toca meu rosto, me disperta e leva o sono

Só o silencio vejo que restou de fato.

 

Aqui distante, neste instante que me encontro

Tudo que vejo é motivo de lembrar

Ah se eu pudesse que tivesses aqui comigo

E realmete eu pudesse te abraçar.

 

Olhar teus olhos, tras a paz que necessito

Sentir teu abraço, só me faz sentir melhor

Pois neste instante vejo sair meu cansaço

Esta lição aprendi e sei decor.

 

Ouvir tua vóz, isto sim eu necessito

Me disabafo, falo coisas sem sentido

Agora espero nesta distancia que existe

Volte depressa para ficar cá comigo.

 

 

 

 

 

 

 

Pin It
Atualizado em: Ter 8 Jul 2014

Deixe seu comentário
É preciso estar "logado".

Curtir no Facebook

Autores.com.br
Curitiba - PR

webmaster@number1.com.br

whatsapp  WhatsApp  (41) 99115-5222