person_outline



search

VICISSITUDES DA VIDA


Falaciosa sensação de tranqüilidade
Aprazível quietude maviosa
A cuspir na cara toda a sua resignação.
Lassidão e penumbra
Refúgio de toda a escória do inferno.

No amplexo inconsciente do sono
Ela descansa suas formas voluptuosas,
Sonha com a felicidade inocente das crianças
Que sequer criaram as esperanças
Que futuramente irão perder.

Drogada, bêbada, ladra, puta
Toda a sua vida desintegrou-se em
Atos de vampirismo na calada da noite.
No quarto conversas melancólicas e desconexas
A porta está aberta a qualquer um
Que deseje saciar seu apetite sexual.
Pin It
Atualizado em: Dom 15 Jun 2008

Comentários  

#9 wicos 12-07-2012 20:25
valeu amigo o comentário do amigo Abreu serviu pro meu parabéns do wicos
#8 wicos 12-07-2012 20:25
valeu amigo o comentário do amigo Abreu serviu pro meu parabéns do wicos
#7 wicos 12-07-2012 20:25
valeu amigo o comentário do amigo Abreu serviu pro meu parabéns do wicos
#6 Abreu 27-12-2009 14:26
O diabo que quer uma capeta dessas...
#5 Abreu 27-12-2009 14:26
O diabo que quer uma capeta dessas...
#4 Abreu 27-12-2009 14:26
O diabo que quer uma capeta dessas...
#3 celylua 10-11-2008 15:21
Texto maravilhoso...Profundas palavras, porém muita determinação...Parabéns e aplausos infinitos pra ti amigo. :zzz :zzz
#2 celylua 10-11-2008 15:21
Texto maravilhoso...Profundas palavras, porém muita determinação...Parabéns e aplausos infinitos pra ti amigo. :zzz :zzz
+5 #1 celylua 10-11-2008 15:21
Texto maravilhoso...Profundas palavras, porém muita determinação...Parabéns e aplausos infinitos pra ti amigo. :zzz :zzz

Deixe seu comentário
É preciso estar "logado".

Curtir no Facebook

Autores.com.br
Curitiba - PR

webmaster@number1.com.br

whatsapp  WhatsApp  (41) 99115-5222