person_outline



search

ESTOU AO MAR

Estou ao mar,

E meu coração está tão seco.

Nem  pedra é,

Pois, com o tempo à pedra se modifica,

Muda, quebra,

Encontra outra forma,

Cansa das ondas constantes!

Meu coração, não!

Estou ao mar,

E a brisa fria me é tão mansa

Que me parece que a tenho desde cedo!

Não, não. Eu não estou triste, eu sou só!

E não é uma solidão sem amigos,

Sem família,

Sem mulheres...

Não, juro que não!

É uma solidão pior.

É uma solidão de quem é só,

Em si mesmo.

Não é que as entranhas não ferem,

Que não queime que não delate,

E que de tão morno e manso,

Capotei tão vagarosamente pra um “eu” estranho.

Algo como vela acesa!

Ponta a ponta,

Gota a gota,

Passo a passo.

Estou ao mar

E são nítidas as palavras que digo ao vento,

As cores de guarda-sol,

Essa bebida, singular.

--- Sem querer até percebi uma moeda trazidas pelas ondas!

Estou ao mar

E meu coração está tão seco,

Que bem poderia beber  toda essa água salgada.

Triste poeta, de coração seco,

--- esqueceu de entrar no mar---


Pin It
Atualizado em: Sex 30 Set 2011

Comentários  

#9 GeraldoJCostaJr 25-12-2011 15:51
Bacana, muito bom, parabéns.
#8 PauloJose 25-12-2011 15:37
MUITO SÓBRIO E SERENO PARABÉNS!
ABRAÇOS.
#7 PauloJose 04-12-2011 13:47
LINDO SEM DIMENSÃO, PARABÉNS AMIGO!
#6 tania_martins 03-12-2011 20:08
Parabéns!
Abraços.
#5 PauloJose 24-10-2011 22:00
PARABÉNS LINDO, 5 *****
#4 azara 24-10-2011 21:55
Parabens,muita bonita.Abraços
#3 PauloJose 13-10-2011 22:45
MUITO LINDO PARABÉNS ABRAÇOS.
#2 ANTENA 06-10-2011 08:25
Parabéns poeta, velejei em teus versos serenos como uma calmaria.


abraço anarquista
#1 PauloJose 01-10-2011 23:04
QUE ISSO AMIGO ADOREI PARABÉNS ESTRELEI POETA. :-)

Deixe seu comentário
É preciso estar "logado".

Curtir no Facebook

Autores.com.br
Curitiba - PR

webmaster@number1.com.br

whatsapp  WhatsApp  (41) 99115-5222