person_outline



search

MEU GRANDE AMOR

O meu amor é terra fértil,
Luz do Sol, ondas do mar...
É complacente, cheio de brio
É gozo, é luz, é o meu ar ...
É doce, é gentil,
É alma rara.
De inestimável valor,
É jóia cara !
Como um anel de diamante
Fico a pensar...
No brilho que possui
Em seu olhar.
Esse brilho, no silêncio
Me diz tanto...
Na timidez encobre as palavras
Com seu manto.
São entrelinhas
Traduzidas por seus gestos
Um homem terno,
Ponderado e modesto.
Muito sensato e honrado
De origem humilde, alma nobre,
De decoro inigualável....
Foi o mais garbo entre os pobres.
Amo-o tanto e com tal ternura
Que choro ao pensar perdê-lo um dia
Eu seria como um mar sem suas ondas
Ou um piano sem as suas melodias...
Pin It
Atualizado em: Dom 23 Nov 2008

Deixe seu comentário
É preciso estar "logado".

Curtir no Facebook

Autores.com.br
Curitiba - PR

webmaster@number1.com.br

whatsapp  WhatsApp  (41) 99115-5222