person_outline



search

UMA LÁGRIMA DE AGONIA

Digressões cambaleantes
Em meio a prantos
Sinto a tempestade de minha alma
Inverossímil conjectura
De dor e tristeza
Que olhos buliçosos
Não conseguem ocultar
O tempo que me resta é exíguo
E maior que a mágoa é o vácuo
As feridas saram
O nada me anula
Sorrateira e perspicaz
Ela se aproxima
E com seu toque benevolente
Dissipa as nuvens de esperança
Sou uma deplorável criatura de Deus
Que a morte leva sem deixar
Lástima, saudade ou lembrança.
Pin It
Atualizado em: Qua 19 Dez 2007

Comentários  

#6 celylua 20-12-2007 11:01
Profundas e triste as palavras,porém apresentam uma determinação de encontros e desencontros da alma. Vc é um super escritor Adriano! Apresenta com emoções, criatividade e sensibilidade todos seus maravilhosos textos. Parabéns! Aplausosss! DEUS te abençõe, bjs, Celylua.
#5 celylua 20-12-2007 11:01
Profundas e triste as palavras,porém apresentam uma determinação de encontros e desencontros da alma. Vc é um super escritor Adriano! Apresenta com emoções, criatividade e sensibilidade todos seus maravilhosos textos. Parabéns! Aplausosss! DEUS te abençõe, bjs, Celylua.
#4 celylua 20-12-2007 11:01
Profundas e triste as palavras,porém apresentam uma determinação de encontros e desencontros da alma. Vc é um super escritor Adriano! Apresenta com emoções, criatividade e sensibilidade todos seus maravilhosos textos. Parabéns! Aplausosss! DEUS te abençõe, bjs, Celylua.
#3 Helena Karsof 19-12-2007 19:25
Sempre gosto dos seus textos. A maneira como desenvolve as emoções e as expõe em palavras é agradável ao ler.
Esse texto especialmente, sinto um tom de tristeza e é muito bonito.
Abraço.
#2 Helena Karsof 19-12-2007 19:25
Sempre gosto dos seus textos. A maneira como desenvolve as emoções e as expõe em palavras é agradável ao ler.
Esse texto especialmente, sinto um tom de tristeza e é muito bonito.
Abraço.
#1 Helena Karsof 19-12-2007 19:25
Sempre gosto dos seus textos. A maneira como desenvolve as emoções e as expõe em palavras é agradável ao ler.
Esse texto especialmente, sinto um tom de tristeza e é muito bonito.
Abraço.

Deixe seu comentário
É preciso estar "logado".

Curtir no Facebook

Autores.com.br
Curitiba - PR

webmaster@number1.com.br

whatsapp  WhatsApp  (41) 99115-5222