person_outline



search

Amigos

Hoje pensei em sapatos e vi os seus... E lembrei de nossos caminhos! Sorri e chorei. Refleti sobre os nomes e as faces que a vida tem.
     Quantas estações se passam em apenas uma encarnação? Levamos e somos levados, caminhamos e deixamos seguir.
     Qual a medida da gratidão? Qual é o som e o silêncio de um coração repleto de amor? O que vale mais... Um grito ou o eco? Qual o tempo da verdade e da descoberta?
     Desejar o Bem é fertilizante para as boas sementes... Sei disso quando vejo navegando em seus olhos o melhor de mim. Vocês me mostraram que é possível pernas determinadas suportarem calçados desgastados... Que se o corpo cansa e para, mesmo que por um segundo, a alma continua, solene.
     Na época de nossa essência os dias continuam eternos, tem nome e tem flor... Sonhar com a luz vale mais do que esquecer a dor.
     Somos mais do que marchas e calendários, temos ampulhetas nas mãos, somos estrelas alinhadas, somos fogo e ideal. Habitamos um infinito de proporções enigmáticas que guarda nossas preces e inspirações.
Pin It
Atualizado em: Qua 20 Maio 2020

Deixe seu comentário
É preciso estar "logado".

Curtir no Facebook

Autores.com.br
Curitiba - PR

WhatsApp whatsapp (41) 99115-5222