person_outline



search

Jardim de quimeras

O meu jardim é esquisito, nasceu sem ser nas terras nobres, distantes ou invejadas, mas foi sim, semeado por cores em papel branco, em um solo fértil para a imaginação, quimeras e sentimentos ali plantados... Na alquimia do farfalhar das asas e liberdade... Ele é um talvez reflexo perfeito do coração... Portanto é melhor nem tentar me explicar...
   É chuva de flores do campo, margaridas, que vem esbaforidas, com as suas pétalas de puro branco, formando um berço de sabedoria que guarda o nascer do bem-querer dos dias.
   Ahhh... Ele é também os ipês amarelos, roxos, lindamente floridos... Esses não são apenas sonhos, são pedacinhos da realidade que eu quis no meu Jardim eternizar.
   Ele é o encanto das noites e o silêncio falante das madrugadas.
   Minha alma é pássaro misterioso, sem canto, que foge pelas frestas dos olhos semi-abertos e vagueia por entre flores e florestas, encontrando abrigo na Paz desejada e na Esperança sonhada!
Pin It
Atualizado em: Qua 20 Maio 2020

Deixe seu comentário
É preciso estar "logado".

Curtir no Facebook

Autores.com.br
Curitiba - PR

WhatsApp whatsapp (41) 99115-5222