person_outline



search

Cague

O olho de quem pensa que enxerga
não vê o que acontece do meu lado
Escolho o que minha mente nega
nem tudo que eu peco eu pago

Eu já fui conserto
fiz
coisas diferentes de um estrago

Quase nunca sou o que quiz
A penas caminho
Vago

Eu triste é você feliz
estou pego
mas não atado

A mente de quem é aprendiz
tem mais alcance
que a de um estudado

Não tem lápis, tinta ou giz
só textos sobre não ser
calado

Eu já tentei ser poeta
fiz 
o que por ninguém pode ser
pensado

E fui consciente
diz
a reza

Na lenda dizem que eu fui um
drogado

Viaja no que eu te fiz
Relaxa leitor(a)
Sossega

Solta um cago.
Pin It
Atualizado em: Qui 14 Maio 2020

Deixe seu comentário
É preciso estar "logado".

Curtir no Facebook

Autores.com.br
Curitiba - PR

webmaster@number1.com.br

whatsapp  WhatsApp  (41) 99115-5222