person_outline



search

Todos os olhos do mundo

Juntam-se letras
Formam-se palavras
Criam-se  frases que se tornam em sentenças e por  fim  um texto
Nasce um escrito qualquer
Fala de amor, de ódio ou só diz abobrinhas...
Filho bastardo de pais pobres em geral
Pobres de ouro, mas com algum intelecto
Ora...a gente viaja como escritor...

Mas de quem serão os olhos que nos observam?
Que cores terão?
Azuis como o céu ou  o mar?
Castanhos como as amendoas ou a terra?
Verdes como as folhas da amoreira?
Ainda há os negros como a noite
E os cinzas como o fim de um fogo

Quem serão seus donos?
Agradar a todos é impossível
Mas se uma risada ou uma reflexão sair das pobres palavrinhas escritas...
Já teremos ganho uma batalha na guerra das letras!
Pin It
Atualizado em: Dom 17 Fev 2019

Deixe seu comentário
É preciso estar "logado".

Curtir no Facebook

Autores.com.br
Curitiba - PR
Fone: (41) 3342-5554
WhatsApp whatsapp (41) 99115-5222