person_outline



search

Céus de Sangue

Retrato e conclusões absurdas num caminho que ergui com maestria a vida dos mortos fúnebres agora eles não me impedem de ver o Escuro estóico eu me vou a sonhar pelos encantos do sangue oh vida de Nosferatu!... E agora? Somente peço à morte que não me falte ela me falará de caixões e rosas tudo um holocausto breve vamos Rumanesk! Agora a vida te cala nos céus dos Soturnos angélicos fálicos.
Pin It
Atualizado em: Qui 13 Dez 2018

Deixe seu comentário
É preciso estar "logado".

Curtir no Facebook

Autores.com.br
Curitiba - PR

webmaster@number1.com.br

whatsapp  WhatsApp  (41) 99115-5222