person_outline



search
  • PoEmas
  • Postado em

[Poema] ODIAR

Odeio o jeito como me olha quando diz que estou errada
Odeio quando se faz de sonso
Odeio o fato de sempre tentar me agradar
Odeio o seu sorriso bobo quando diz que te desconcentro
Odeio o teu timbre ao dizer que ainda não amo você
Odeio quando finge que não existo
Odeio os dias que não está comigo
Odeio as manhãs sem ouvir o teu riso
Odeio as madrugadas sem sincronizar com o teu o meu respiro
Odeio, sobretudo, a fulminante distância


Janaina Couto ©
[Publicado - 2016]

@janacoutoj

Pin It
Atualizado em: Dom 28 Jun 2020

Deixe seu comentário
É preciso estar "logado".

Curtir no Facebook

Autores.com.br
Curitiba - PR

webmaster@number1.com.br

whatsapp  WhatsApp  (41) 99115-5222