person_outline



search
  • PoEmas
  • Postado em

O valor de uma lágrima

O que faz com que um ser humano derrame uma lágrima por outro?

Ver pessoas necessitadas, implorando um pedaço de alimento para "tentar" sobreviver mais uns míseros minutos... ao escorrer uma gotícula salgada do seu espelho da alma, vê-se um diamante rolar na face...

A perca de um amigo é a perda de um pedaço de mim, algo intrínseco do meu "eu" que é arrancado a força do meu órgão pulsador da vida... a água que desce do pequeno círculo penetrante se mistura ao suor e calafrio que geram um terremoto em nosso microcosmo, nosso mundo, nosso frágil e complexo ser.

A falta de fé que, erroneamente, nos faz desacreditar naquele que tem o poder de dar-nos e tirar-nos a vida. A manifestação líquida expressada vem do medo de saber o que fazer, como fazer, quando e porque... representa toda dureza que uma pessoa tem e não sabe controlar porque acaba por querer viver num colo-de-ventríloco.

A tristeza escorrente, decorrente do reconhecimento de sua auto-inferioridade, traz consigo toda re-volta à confiança plena, verdadeira e autêntica que nasce em nós e nos coloca frente às situações da realidade que somos convidados a administrar. (Nossa vida é administrada, e não controlada! Somos convidados a vivê-la, e não obrigados!)
Isso tudo nos faz pensar: qual o valor de uma lágrima que deixamos cair por um pertence quebrado, uma dor de um machucado, a solidão da solidão, a birra e a cisma com o outro... ?

Ouro e prata são tesouros que podem ser gastos, mas as raridades encontradas dentro de nós, devem ser cuidadas e cultivadas.
(Lágrimas de Agosto. 23-08-11)

Pin It
Atualizado em: Qua 24 Ago 2011

Comentários  

#1 azara 21-09-2011 20:39
Muito linda.Parabens.

Deixe seu comentário
É preciso estar "logado".

Curtir no Facebook

Autores.com.br
Curitiba - PR

WhatsApp whatsapp (41) 99115-5222