person_outline



search

O Desabafo de Noel

“ A quem possa interessar:
Estou muito descontente com todos vocês e, este ano penso em iniciar uma justa e merecida greve.
Primeiro que já avisei que, só merece regalia quem faz por merecer.
Vocês fazem fofoca, fingem que estão dormindo para não dar lugar para os idosos, são viciados em arranjar “jeitinhos” para se dar bem em cima dos outros, estacionam em vagas para deficientes, e outras barbaridades que, se eu for listar aqui, só terminarei no Natal do ano que vem.
Segundo que, vocês são uns desalmados!
É cada pedido que, sinceramente beira o absurdo!
Um homem de minha idade tendo que carregar geladeira, armário, freezer e sei lá mais quantas tranqueiras vocês resolvem pedir.
Olha, fico até ofendido com certas coisas.
E a maioria de vocês tem carros!
Porque cargas d’água não vem buscar as coisas que pedem?
Eu pergunto: tira algum pedaço?
Mas a preguiça não deixa, né?
Tem que ficar esperando o pobre velhinho levar em suas casas!
Quero deixar claro que, apesar de meu nome, não sou pai de ninguém. Nem casar eu casei, ora pois!
Agora fica um monte de barbado, até mais fortes que eu, esperando que este pobre idoso entregue todos os presentes.
Nem uma ajudinha para botar pra dentro eu tenho.
E, quando as coisas não vem como querem, ainda mandam cartas reclamando. Graças a Deus que os correios nunca acertam meu endereço e só recebo estes desaforos escritos lá pelos idos do Carnaval.
Por isso não forneço meu email para ninguém!
Deus me livre!
Fora a insistência para que eu trabalhe em pleno feriado!
Porque vocês não fazem seus pedidos no resto do ano?
Porque diabos querem que eu entregue tudo justamente no Natal?
E ainda querem que eu seja alegre, sorridente e feliz.
Eu sou um gordinho raiz!
Fico feliz na hora do almoço! Fico feliz comendo pizza! Fico feliz degustando coxinhas! Fico feliz na praia, comendo camarão!
Mas não! Vocês me querem feliz carregando peso em pleno Natal!
E o espírito Natalino?
Para mim, ele só aparece depois que termino de satisfazer estes espíritos de porco que, deixam seus pedidos para cima da hora!
Imaginem a correria que é está repartição quando chega esta época do ano. Meu Natal é coisa de louco.
Diferente do que pensam, não dá para ir voando, até porque, casa de brasileiro não tem chaminé.
Imaginem um baiano com uma lareira em casa, num calor de derreter chumbo, como o que faz nessas bandas.
E mesmo que tivesse, imaginem um homem de minha idade trepando em telhados de Eternit para entregar encomendas.
Além de cair, ainda ia ter que pagar o conserto dos telhados.
E, mesmo nas casas de laje, eu pergunto:
Como é que vocês acham que eu iria caber dentro de um troço desses?
E mais: quem é que iria lavar minhas roupas depois? Porque, pense num troço sujo é lareira!
Aí preciso encarar engarrafamento e calor no trânsito.
Como se usar essa farda batida de todo ano não bastasse, ainda me fazem usar um gorro ridículo na cabeça.
Digam se não é muita coisa para um dia só?
Então fica aqui o desabafo e o aviso:
Se vocês deixarem tudo para cima da hora de novo no Natal que vem, faço greve mesmo e ninguém recebe o que pediu!
Nem quem se comportou bem e nem quem se comportou mal.
Porque meu saco anda cheio e não é de presentes natalinos.
Despeço-me, contando com a colaboração e compreensão de todos e desejando um Feliz Natal e Próspero Ano Novo.
Assinado:
Noel da Transportadora, seu amigo e futuro candidato a vereador.”
Pin It
Atualizado em: Dom 3 Jan 2021

Deixe seu comentário
É preciso estar "logado".

Curtir no Facebook

Autores.com.br
Curitiba - PR

webmaster@number1.com.br

whatsapp  WhatsApp  (41) 99115-5222