person_outline



search
  • Ficção
  • Postado em

Damon e Lilith

Nos dois passamos o dia todo trabalhando para que eu conseguisse fazer o trabalho com 100% de aproveitamento e com sucesso, no dia seguinte acordei animada pois seria o ultimo dia de treinamento para executar o trabalho, acordei com toda animação, tomei banho, vesti um short preto, uma regata branca, coloquei um tênis e um colar que tinha um pingente de uma asas preta, fui direto para um prédio em que eu e Miguel amávamos passar tempo livre lá e quando eu tinha um trabalho ele levava tudo que eu ia precisar usar, não usávamos a sala de armas pois lá a gente podia acabar se perdendo na hora de pegar as devidas armas.
Quando cheguei lá o abracei e o cumprimentei, ele logo me abraço de volta e sorriu.
-Que bom que está animada, amanhã é o dia.
-E será o melhor dia de todos.
Miguel me levo até uma mesa, nela tinha 10 facas pequenas em um cinto de coxa, uma adaga que ficaria no suporte de minhas asas e uma pistola que iria dentro de minha bolsa, olhei para Miguel e sorri.
-Você está brincando comigo e está escondendo todo o equipamento que vou usar em outro lugar, certo?
-Eu ia amar se fosse isso mas não estou brincando, essas são suas armas para esse serviço.
-Miguel, não posso matar o melhor dos melhores com 10 faquinhas, uma adaga e uma pistola, isso é pouco.
-Exatamente isso, minha flor pare e pensa, se ele é um dos melhores, ele deve andar armado e deve reconhecer uma pessoa armada, quanto menos melhor, estou querendo tira essa adaga pois a roupa que você vai usar mostrara suas costas e suas asas.
Fiquei pasma com oque ele havia acabado de falar, sobre as armas eu até concordava mas como assim ele já tinha preparado até minha roupa?
-Como é que é?
-Isso mesmo, já arrumei sua roupa e o melhor horário para você atacar.
-Miguel, se você não fosse meu melhor amigo e conselheiro eu te daria um soco.
-Também te amo, minha rosa mas vou mostra sua roupa.
Nesse momento a roupa que estava usando sumiu e no lugar dela ficou apenas um vestido preto, que ia até metade das minhas coxas, ele tinha alguns detalhes dourados em forma de flores, seu decote era em "V", minhas costas estavam totalmente de fora, o decote das costas só cobriam minha bunda, seu estilo era "Tomara que caia", em meus pés um salto alto estilo agulha tamanhos 15 era dourado, meus cabelos ficaram em uma trança embutida de lado com alguns fios soltos que dava o charme, minha maquiagem era simples, só tinha um batom vermelho fraco e lápis de olho e minhas asas estavam pretas, me olhei no espelho, não podia acreditar no que estava vendo, eu estava linda.
-Miguel... E-eu estou....
-Linda, nunca me canso de vestir você, minha rosa.
Me virei para ele e o abracei
-Obrigada, meu anjo.
-Não agradeça agora, temos que esconder as facas.
Olhei para a mesa e lembrei que as facas estavam em um sinto de coxa, olhei para o vestido.
-Miguel, não tem como esconder isso ai.
-Ai que você se engana, essas facas podem se transforma em tecido ao tocar na pele da coxa e quando você e apenas você as toca com as mãos elas voltam a ser facas de verdade
Ele pegou o sinto e me entregou, peguei ele, coloquei na coxa direita e ao soltar elas se transformaram em tecido, aparentando ser um detalhe do sinto que fazia parte do vestido, sorri olhando aquilo diante do espelho ele então deixou de lado a adaga e a pistola, passamos a tarde toda passando e repassando a estratégia, quando deu umas 10 horas ele me mandou ir para casa, usei uma magia que ele havia me ensinado para que aquela roupa sumi-se e volta-se na hora que eu quisesse, então a usei para ir dormi.
Na manhã seguinte acordei as doze horas com o celular despertando, me levantei rapidamente e fui tomar um banho rápido, depois do banho coloquei uma calça de moletom, uma regata branca e um tênis, fui para a rua corre um pouco, pois amava corre no dia de um ataque meu, corri por 4 horas, duas horas de ida e mais duas horas de volta, quando cheguei em casa fui direto para a sala de tiro ao alvo treinar, como iria usar facas peguei todas a minhas adagas e facas, fiquei treinando por mais duas horas, consegui acerta 90% dos alvos com perfeição, os 10% acertei em pontos não vitais, amava espalhar a dor pelo corpo do oponente e dar uma luz no fim túnel, depois do treino tomei outro banho e fui me deitar, dormi por duas horas e meia, meu celular desperto as 20:30 e eu acordei, abri meus olhos e fiquei olhando o teto por alguns minutos, repassando o plano todo mentalmente, depois disso fui me arrumar, usei a magia para me troca, isso levou apenas dois segundo, então acrescentei na magia uma roupa toda preta que me faria ter movimentos mais exatos, nesse momento o despertador tocou e já era 21:30, estava na hora de por em pratica o meu plano.
Pin It
Atualizado em: Qui 27 Dez 2018
  • Nenhum comentário encontrado

Curtir no Facebook

Autores.com.br
Curitiba - PR
Fone: (41) 3342-5554
WhatsApp whatsapp (41) 99115-5222