person_outline



search
  • Crônicas
  • Postado em

um talvez

sobre tudo, podemos concretizar acontecimentos imersos nos sentimentos imagináveis pelo controle sobrenatural da realidade alheia, julgamento individual sem escape de fuga, ápice  comportamental sobre atitudes mundancionais.
acredito que para conhecer uma pessoa é preciso de uma permissão divina, seja amizade ou algo além disso. como acreditar em destino quando a infelicidade, angústia, desânimo, prevalece aos momentos de uma vida.
podemos criar argumentos, fatos, motivos ou até mesmo culpar o pouco tempo, mas, a mudança sempre acontece, e talvez, o ontem seja um passado de aprendizado e o amanhã um novo teste.
não precisamos de respostas se somos uma incógnita!
a felicidade ou o amor só existe quando permitimos, o sentimento artificial ou emocional da perda de uma pessoa qualifica que somos inconcientes ou aptos a escolhas involuntárias.
talvez fomos roubados pela tecnologia cibernética, ou, não se criou assuntos o suficiente.
ou talvez não ficamos offline o bastante.
Pin It
Atualizado em: Sex 8 Set 2017
  • Nenhum comentário encontrado

Curtir no Facebook

Autores.com.br
Curitiba - PR
Fone: (41) 3342-5554
WhatsApp whatsapp (41) 99115-5222