person_outline



search

RECIPROCIDADE

O Problema é que nosso sentimento não é reciproco. Ele é legal, engraçado, maduro e faz qualquer coisa para eu sorrir. No entanto ás vezes nos distanciamos, é como se "brigássemos" mentalmente depois disso voltamos a nos falar normalmente, mas as vezes eu me sinto desconfortável ao seu lado, não temos algo sério pois não gostamos de nos rotular porém só eu fico com ele e ele comigo. Faz uns dias que ele estava estranho e eu havia percebido mais eu não queria pressioná-lo para falar, então deixe-o a vontade. 
    Ele me chamou para conversar e me falou sobre os seus sentimentos e eu apenas escutava atentamente as suas palavras, me pediu um tempo e falou que não estava preparada para se relacionar com alguém, eu apenas assenti com a cabeça confirmando o seu pedido. Depois disso passei a madrugada toda pensando o que eu tinha feito de errado. Será que eu me precipitei ao falar que estava apaixonada? eu juro que não sei. Naquele momento eu me senti péssima mas pensei bem e vi que além de tudo éramos amigos e não tinha o porque de me preocupar com o nosso "término". Entretanto como toda apaixonada senti, eu sentia sua falta e em meio as lágrimas eu sorrir ao lembrar de um ditado que minha mãe dizia "Querida, cada macaco no seu galho."
Pin It
Atualizado em: Seg 3 Abr 2017

Deixe seu comentário
É preciso estar "logado".

Curtir no Facebook

Autores.com.br
Curitiba - PR

webmaster@number1.com.br

whatsapp  WhatsApp  (41) 99115-5222