person_outline



search

Rosa negra


30120794 1313554102122840 2070490685 n

Pérola negra, por mais de trezentos e setenta anos por terra caístes o teu brio.
Os homens que lhe podavam, lhe arrancavam e que lhe pisavam
Não percebiam, que faziam um pomar no solo do Brasil.

Crioula, o que te proteges as delicadas pétalas que outrora eram arrancadas?
O caule que tanto fora vítima do laminar, como se fortificou?

Tu não crescestes em meio a plácida relva, mais na ríspida selva!
E tu és selva! O teu caule?
Hoje carrega os mais pungentes espinhos que te salva o recôndito pólen no ninho.





Autor do texto: D`souza Gabriel
Foto ilustrativa: Fernanda Marins. https://www.yooying.com/fernandagmarins
Pin It
Atualizado em: Seg 9 Abr 2018

Deixe seu comentário
É preciso estar "logado".

Curtir no Facebook

Autores.com.br
Curitiba - PR

webmaster@number1.com.br

whatsapp  WhatsApp  (41) 99115-5222