person_outline



search

Sacrossanto Zimi

Assustada o suficiente com o futuro para se sentir viva e assistindo vídeos novos e antigos de artistas veteranos que se ainda estão vivos tem uma relação com o tempo hoje em dia que também os fazem se sentir assustados de alguma forma apesar do passado artístico glorioso de shows e registros autorais eternizando seus nomes e apesar de dizerem que esse sentimento não é de medo da morte mas que de alguma forma é um lamento pela finitude e ela que queria ser pioneira em algo relevante na música indie em vez de uma personagem teleguiada da corrida do êxito e do fracasso um dia ouvia alguns discos brasileiros do fim dos anos 1970 até metade dos anos 1980 e se certificava que o problema estava no padrão de produção fonográfica brasileiro desse período e ela é Mila Cox que agora é uma baixista e cantora universitária que nasceu quando a indústria fonográfica já agonizava diante da internet e cujo caráter dionísico de sua música a levava a perigosos limiares físicos e emocionais em palcos ou no estúdio amador em seu quarto que fica na casa que seu pai comprou e ele a lembra disso sempre mas ela dali para fora podia chegar aos limites de quem tem uma cama e um teto e comida para se recompor depois enquanto espera pelo fim da faculdade de jornalismo que serviria para ela dizer que cursou caso isso por alguma razão servisse de parâmetro para a análise do que dizia na mesa do bar ou em suas músicas e quando encontrava com Zimi que era seu parceiro na banda Estofo percebia que se a crise o estivesse abatendo bastava que ela chegasse anunciando que a crise é ainda pior para que ele se levantasse e numa simples questão de extravasar energia voltava para a cama muitas horas depois com sensação de plenitude momentânea que permearia seus sonhos e a longo prazo o faria uma pessoa melhor que mesmo famoso jamais faria um show olhando para o rològio a espera de um lugar melhor para estar já que na sua formação lutou para que aquele fosse o melhor lugar até porque um dia ficaria velho e sua relação com o tempo se tornaria semelhante à dos artistas veteranos que analisava com Cox enquanto buscavam influências livres do medo que as religiões impõem mas cheios da fé que eles precisavam direcionar junto com a energia juvenil que exalava de ambos e que seria a força motriz para que se rebelassem artisticamente sobre governantes inaptos a corrigir as provas do Enem cuja data ficou marcada para a dupla como o dia em que venderam canetas na porta de escolas para financiar a viagem para um show em Araçatuba.

Pin It
Atualizado em: Qui 6 Fev 2020

Deixe seu comentário
É preciso estar "logado".

Curtir no Facebook

Autores.com.br
Curitiba - PR

webmaster@number1.com.br

whatsapp  WhatsApp  (41) 99115-5222