person_outline



search

Guiomar

Na década de 1970 Tia Guiomar dizia ter trinta anos e para os padrões estéticos e comportamentais da atualidade seria hoje equivalente a uma senhora de mais de cinquenta e ela que ensinou aquele grupo de crianças a escrever há mais de quarenta anos estaria agora aposentada ou morta e isso ressuscitou em Toninho uma inveja que não sentia desde aquele tempo pois se naquela época Guiomar era uma professora assalariada de vida tranquila e uma pessoa que aparentemente tinha resposta para tudo estaria agora novamente em situação melhor que a dele ainda que morta embora ele que era filho de uma garrafa de uísque preferisse crer que ela estivesse vivendo num sítio com a visita dos netos nos finais de semana e com uma aposentadoria suficiente para ter paz até o final em trajetória inversamente proporcional à dele que apanhava do pai quando esse dizia que todas as pessoas são boas para executar algum tipo de função e que Toninho era ruim em tudo que fazia e diante dessa acusação respondia ao pai que isso era uma forma de ser único e a primeira porrada vinha antes que pudesse completar a frase que era a mesma usada por ele quando no início da vida adulta tornou-se baixista da banda Crop Circles e a alegação foi repetida quando por incompetência técnica foi substituído por Mila Cox que era linda e tocava muito bem mas que de acordo com Toninho logo sairia em carreira solo colocando um fim à banda e fazendo com que os outros membros voltassem a entregar pizzas enquanto Toninho continuaria vivendo um dia de cada vez movido pela fé esperando que alguma coisa maravilhosa acontecesse para justificar sua existência lembrando com inveja de Tia Guiomar apenas nos momentos de amargura.

Pin It
Atualizado em: Qui 21 Nov 2019

Deixe seu comentário
É preciso estar "logado".

Curtir no Facebook

Autores.com.br
Curitiba - PR
Fone: (41) 3342-5554
WhatsApp whatsapp (41) 99115-5222