person_outline



search

Pai

Pai, o tempo já passou

Mas irei sempre guardar

No arquivo da nossa história

Que outrora me faz sonhar.

Como é doce recordar

Os momentos bem vividos

Tu eras o herói da vez  

E eu  interpretava o bandido.
Corria de um lado para

O outro fingindo te atacar,

E como um herói verdadeiro

Que sempre venceu o mal

Você erguia a sua espada

Fingindo um golpe fatal.
Mas o tempo foi passando

E tudo se modificou, seus cabelos

ficaram grisalhos mas continuas

o mesmo Pai que de mim sempre cuidou.
E como um bravo guerreiro, um amigo

Um companheiro, aprendi contigo este feito

E hoje eu posso dizer que tenho um Pai

Um amigo que me ensinou a vencer.


Pin It
Atualizado em: Ter 9 Set 2014

Comentários  

#1 PauloJose 04-10-2014 12:09
NOSSA! É O MÁXIMO
LINDO SEM DIMENSÃO.

Deixe seu comentário
É preciso estar "logado".

Curtir no Facebook

Autores.com.br
Curitiba - PR

webmaster@number1.com.br

whatsapp  WhatsApp  (41) 99115-5222