person_outline



search

Devaneio

Não consigo respirar
Dentro do que eu deveria chamar de lar
Prossigo sem ar
De tão pesado ele chega a me sufocar
Me afundo em medos, incertezas e raiva
Ahhh, como eu tenho raiva
Do que aconteceu, do que pode acontecer
Sinto medo também
Por mim
Por ela
Por ele
Por causa dele
Quem eu deveria confiar
A minha âncora
Que nunca foi e nem vai ser
Eu sinto nada
O vazio me toca
Me chama
Me atrai
Me seduz
E eu caio

 













Pin It
Atualizado em: Qua 15 Jul 2020

Deixe seu comentário
É preciso estar "logado".

Curtir no Facebook

Autores.com.br
Curitiba - PR

webmaster@number1.com.br

whatsapp  WhatsApp  (41) 99115-5222