person_outline



search

Doce Domínio...

Ter você sob meus domínios agora...
Nu, mudo, implorando meu toque... 
Despi-lo com os olhos... respirando teu cheiro, sentindo o calor... a vontade, o descontrole eminente... você tentando disfarçar... seu sexo já babando... 
Não deixo que se toque, se mova.
Sequer, encosto as mãos em você. Nem trisco...
Seu membro, ereto. Rodeio a glande... com a ponta da língua... te olho, você geme baixinho... quer a todo custo colocar as mãos, que estão pra trás, em meus cabelos, quer guiar- me...
Não. 
Abocanho-o... inteiramente, de uma única vez... ele está em minha garganta... seu corpo treme, insiste em foder minha boca... levanto, te reprovando. Te beijo...despida, com os.seios roçando seu corpo... Desço. Sugo sua virilha... te engulo, movimentos ásperos, fortes, contínuos... 
Quer minhas mãos... espera meu contato... 
Não... Hoje não. 
De costas, e somente com o balançar do meu corpo, encaixo seu sexo em mim... você entra... de uma vez... com as mãos na cabeça, me estoca... ofegante, não para... levo as mãos, na boca... chupando os dedos... você enlouquece... esvaindo-se dentro de mim... 
Te fiz gozar com a boca. 
As duas.
Pin It
Atualizado em: Qua 2 Maio 2018
  • Nenhum comentário encontrado

Curtir no Facebook

Autores.com.br
Curitiba - PR
Fone: (41) 3342-5554
WhatsApp whatsapp (41) 99115-5222