person_outline



search

Medo

A vida aqui na terra e passageira.

A vida aqui e curta.

Voltamos aqui neste planeta para repararmos os erros de outras existências.

Voltamos aqui para aprender e evoluir.

Amar.

Amparar.

Orientar.

Perdoar.

E ajudar.

Muitas vezes perdemos o caminho nos desvirtuamos da jornada.

A vida aqui e expiatória e evolutiva e transcendente.

O medo que surgem no decorrer dessa existência e proveniente de outras existências.

Muitas delas nos assustam nos desvirtuam, nos tolhe do caminho.

Os medos dos fracassos, de errar e não conseguir nos limita.

O medo de mudar de transcender de evoluir nos angustia a alma.

Atormenta-nos o espírito, nos faz sentir fracos e inaptos a progredir.

O medo que trazemos com nós não e pra estagnar e sim, nos orientar, nós mostrar o cominho.

A vida e uma passagem.

Vivemos com medo.

Vivemos com raiva.

Vivemos com prepotência

Vivemos querendo mais riquezas, mas posição social.

Vivemos querendo poder.

Vivemos querendo mais e mais.

Esquecendo-se de que...

Devemos amar

Devemos perdoar

Devemos ajudar

Devemos ser servos de Deus

Devemos corrigir e amparar.

Devemos ser benevolentes ter, mas pra dar do que receber.

Devemos ter mais tempo

Para abraçar

Para sorrir

Para amar

Para ver a vida assim como ela se apresenta.

Devemos ter o tempo para ser feliz.

Para auxiliar

Para ser paciente.

Para aprender e ajudar.

Devemos olhar com simplicidade, ver com á alma as belezas da vida.

A beleza da flor, por exemplo, vista por todos, todos os dias “uma flor”.

Mas...

Quando pudermos ver além da flor.

A diferença de seu perfume que a faz única

A deferência da tonalidade de sua cor que a faz única.

O aveludado das pétalas que a faz única, na forma a qual ela se apresenta na natureza uma flor, ai percebe que ela e única entre as flores.

Quando nos permitimos, mas...

A ver.

A sentir.

A ouvir

A somar.

Aprender e a ensinar.

Quando nos permitimos, mas...

A abraçar á nossos irmãos.

A dizer o quanto ele nos é importante.

O quanto aprendemos com ele em seus erros e com seus exemplos.

Quando aprendemos a não deixar pra depois o que possamos fazer ou dizer.

Pois às vezes não temos, mas tempo.

Por que já partimos ou partiram nossos irmãos, ai vem à culpa, à vontade de dizer o que não foi tido e o que não fizemos por ele.

Enquanto era tempo...

Por tanto meus queridos irmãos

Vamos abraçar mais

Vamos amar mais

Vamos, falar mais eu te amo.

Vamos dizer que nos perdoamos e perdoamos nossos irmãos

Vamos auxiliar mais

Vamos fazer hoje o que talvez amanhã

Não seja, mas possível...

Dizer

Fazer

Amar

Observar

Entender as diferenças

Auxiliar

Abraçar

Perdoar

Sentir a paz

E transmitir a paz.

Sem medo

Sem limitação

Algum, dia me livro dessa magoa

Amanha, o abraçarei

Se soubéssemos o quanto é curta... A vida aqui na terra...

Fazíamos tudo hoje...

Mudaríamos hoje...

Pois amanha Deus chama a alma ao plano espiritual...

E não nós e dado, mas aqui o tempo...

Medo e o antônimo de evolução e o freio que nos tolhe a evoluir...

Abrace hoje aquele que sentir vontade.

Diga eu te amo aquele que te fez chorar.

Perdoe-se e perdoe aquele que te magoou

Faz bem, nos alivia a alma.

Permite-nos viver sem medo de ser feliz.

Que Deus essa força onipotente, que transmite estas máximas.

Que nos permite errar e consertar

Que nos permite ter medo.

Que nos permiti que transpuséssemos esses medos com seus exemplos e luz.

Que a paz de Deus seja sentida por todos.

Que essas mensagens de luz e sabedoria e benevolência e auxilio

Possa ser a ponte de nos transportar da escuridão para a luz divina do perdão e amor...

Que assim seja.


Pin It
Atualizado em: Sex 16 Set 2011

Deixe seu comentário
É preciso estar "logado".

Curtir no Facebook

Autores.com.br
Curitiba - PR

webmaster@number1.com.br

whatsapp  WhatsApp  (41) 99115-5222