person_outline



search

Cegos, Surdos mas não mudos!

Capítulo XII

As Ilusões desta vida corpórea

Repetir nunca é demasiado para quem não está desperto! Atentai novamente para estas palavras!

A separação que optais desde cedo - que como num "casulo" deixastes vossa Espírito - tem sido a que até então tem direcionado vossa crença que sois vosso ego, fazendo com que cada vez mais, só pensamentos se proliferem descontroladamente em vossa mente. Esta insanidade do ego é o mal existente em todos vós. Tal qual uma fábrica de "sonhos", o ego vos faz declinar da Luz Maior, dificultando pela aparente realidade que sois vós assim. Não quereis certamente mais isto em vossa vida. Estais cansado, mutilado e dilacerado nas profundezas da vossa alma, tantas são e tem sido as desilusões vivenciadas nesta vossa vida. Perguntas: O que devo fazer?

Atentai! Todos vós que ora me lêem, que o mundo em que até hoje viveis, está tomado, repleto e pleno de ilusões. O que do vosso lado é eterno? O que vos cerca é seguro? Vossos lares, vossas ruas, vossas calçadas, vossas finanças e vossas crenças estão repletas de pensamentos embevecidos de ilusões e sonhos que caminham sem que sejam notados serem irreais.

Dai um basta definitivamente neste carrossel que gira e que mostra, a cada instante, novos entretenimentos, novas luzes que brilham, porém, ilusórias. Logo se apagam. Logo vos deixam a sós.

Sois o que não queres ser. Sois o que querem que sejais. O vasilhame que mede vossa felicidade transborda de "quereres" que não questionais, somente atendendo aos pedidos de cada vez mais quererem.

Tudo que vos cerca é energia em vibração e que com vossos olhos só podeis enxergar uma forma: a forma sólida o que , em Verdade, é ilusão, por estar em movimento incessante e que mais cedo ou mais tarde transmutará em energia. Nada deste plano físico é como está. Nada é como é. Nem vosso céu não é o que aparenta ser para vós. Somente a Energia Universal é que vibra em diferentes acordes, tocando a melodia de cada um, dando a cada um o tom de vosso Ser.

Podereis ter o que vos couber e puder, mas estejais seguro que o que tendes é para compartir, para multiplicar, mesmo que em amiúdes ou pequenas partes. Somos Um e vossas necessidades são dos vossos irmãos. A ilusão arrebata a Verdade por colocar em vós crenças de que a realidade são vossas necessidades de afeto, de amor, de bens e de poder. Em verdade vos digo que a realidade é uma só: estais cercado de Ilusão que acreditais ser a realidade e em prol de sua manutenção e sois capaz de movimentos inesperados, de atos defensivos incontroláveis para não perderes o suposto controle que credes que tenhais. Para não perderes vossas "coisas".

Tudo que é necessário a vossa felicidade vos é dado assim que romperes com vossa identificação com o ego. As ilusões se desmancham frente à Realidade e as dádivas iniciam Sua caminhada, vindo a desmanchar todas as ilusões, desvanecendo-as, apagando-as de vossa mente. A Ilusão é efêmera e se dispersa ao menor sinal da Iluminação, da decisão de estar atento e acordado para o que vos cerca de Real.

Assim, amados, tendes todas as chances de nasceres para a eterna e grandiosa Vida. A Vida é a Realidade existente, é a Realidade que não conseguis enxergar com os olhos do ego, mas sim com o Espírito.

As ilusões são todas as coisas que fazem volúpias, paixões e atordoamentos em vossa mente. Sentis a diferença entre o Real e a iIusão? Sois nesta terra uma ilusão da mesma forma, pois, vosso corpo, não é eterno e sim corruptível. Por isso, temeis a morte, pois, a cada dia que passa, ela se aproxima, e vós, por conceberes como sendo vós vosso corpo mortal, vos traz um sentimento de impotência incomensurável e além das forças do próprio ego, que vos ilude com falsos pensares.

A morte nada mais é do que uma bifurcação, onde um trecho do Caminho se reparte inexoravelmente, tendo vós que decidir se levas qualidades eternas ou se vereis tudo deixado de lado, sem expressão, porque em Verdade, nunca teve.

O outro caminho não trilhado vos dá a noção sempre de que tendes opção de prosseguir neste ou naquele. Um vos leva à LUZ MAIOR e o outro, ao adormecimento, enquanto nova semente da reencarnação.

Se continuares a optar pelas ilusões deste mundo, retardas a felicidade que buscas em lugares irreais. Acordai para o mundo Divino que já reside em vós.

Tende a humildade da infância, a inocência do nascido, e a coragem da Liberdade.

Pois, havereis de ser corajoso para deixar vossas ilusões, por pensares que deixarás de ser amado, de ser reconhecido ou de ser alvo de poder. Lembrai-vos que os sonhos acordados vos ferem há tempos, seja em vossos relacionamentos, em vossas famílias e em vossos corações. Estais feliz por lapsos como em golfadas, como ondas que vão e vêm. Estais poderoso frente aos menos favorecidos ou "menos poderosos". Mas vos pergunto: como estais perante vosso Espírito Eterno?

Não permitais que vossa mente vagueie nos labirintos da escuridão das trevas e das formas de vida que viveis até então, de dores, de depressões, de estresses e de individualismos que somente vos deixam num estado de amargura perante a grandeza de Deus. Perante Vós. Perante todos nós. Sempre se faz necessário lembrar-vos!!!

Vós sois Todos. Vós sois o dono do vosso pensar. Não vos deixe levar pelas ilusões que são vislumbradas como "pele de cordeiro" e que, fatalmente, irão levar à imensidão da dor, do penar e da solidão.

A solidão que não é a falta de outro alguém, mas sim, o vazio existencial de não ver a Luz que está tão próxima a vós. Pois vós sois a Luz. Assim como Eu, como Todos, somos Um.
Pin It
Atualizado em: Qui 25 Dez 2008

Deixe seu comentário
É preciso estar "logado".

Curtir no Facebook

Autores.com.br
Curitiba - PR

webmaster@number1.com.br

whatsapp  WhatsApp  (41) 99115-5222