person_outline



search

Abraço

Estava sentada,
tentando não me afogar nas lembranças.
Estava difícil, 
a dor estava em meu coração. 

As lembranças servia de carrasco,
e bálsamo para as feridas.
Aquele aperto doía dentro do peito,
estava longe.

O gosto da incerteza acabou tornando- se companheira,
Como o gosto amargo da solidão.


 Sentia frio quando o sol estava cada vez mais quente,
A sensação de insegurança se mantinha firme 
Oa saudade daquela proteção que consistia em teu abraço
Pin It
Atualizado em: Dom 1 Jul 2018

Deixe seu comentário
É preciso estar "logado".

Curtir no Facebook

Autores.com.br
Curitiba - PR
Fone: (41) 3342-5554
WhatsApp whatsapp (41) 99115-5222