person_outline



search

Fé e ciência

No princípio era o verbo, e a luz se fez do nada. Assim começa a explicação da origem do Universo para muitas religiões. Muitos anos se passaram desde o primeiro cidadão que contestou essa teoria. Um astrônomo já foi obrigado a abdicar de suas idéias, outro foi queimado. Surgiu um egocêntrico narcisista que conseguiu unificar varias explicações em uma única teoria. Houve ainda um rapaz, novo, cheio de acne, que usando os textos de seu mestre descreveu os movimentos dos planetas. Apareceu ainda um jovem gênio, que com perguntas simples desenvolveu uma teoria que revolucionou a visão do universo.
Segundo a ciência atual, a Terra tem próximo a 10 bilhões de anos de idade, o que foi um choque para os criacionistas, pois segundo eles a Terra tem entre 6 a 12 mil anos (a soma das idades dos patriarcas do antigo testamento). Muitos religiosos não aceitam a teoria de que o Universo nasceu da contração e expansão rápida de um fluxo de energia, o chamado Big Bang. Einstein, em sua Teoria da Relatividade, demonstrou que energia cria matéria, e o oposto também é verdadeiro. Sua teoria teve utilização prática na criação da bomba atômica, comprovando a viabilidade dessa idéia. Ou seja, é realmente possível que no princípio não existisse o verbo, mas sim energia. Os criacionistas se colocam contrários aos evolucionistas, e pregam idéias religiosas fundamentadas nos relatos bíblicos. Baseados somente em sua fé, eles possuem sua próprias idéias acerca do universo, do tempo e do espaço. Há alguns anos somente a Igreja Católica admitiu que Galileu estava certo e que Copérnico também tinha alguma razão. Giordano Bruno foi desculpado de suas "teorias heréticas" sobre o universo recentemente também.
Essa guerra entre os que crêem e os céticos tem como um atual campo de batalha principalmente os EUA, onde o Comitê de Ensino do Kansas deu diretrizes proibindo as escolas de ensinarem o Big Bang, assim como as idéias de Darwin (que resumidamente porcamente trata de evolução, englobando a idéia de que o homem surgiu do macaco). Tudo estaria normal, e esta coluna não teria razão de ser se o caso estivesse restrito por lá. Entretanto, há algum tempo soube de uma escola em São Paulo que recebeu reclamações de uma mãe porque seu filho havia aprendido que o universo iniciou-se de uma explosão. A mãe estava indignada, e para tentar resolver a situação, de forma brilhante, a escola pediu para que o professor parasse com isso, pois poderia ofender a fé de algumas pessoas. Deus do céu! Parafraseando a heroína do filme o Mágico de Oz: "nós não estamos mais no Kansas, Totó". Espero que assim continuemos, e que esse tenha sido um caso isolado. Boa semana.

Pin It
Atualizado em: Dom 31 Ago 2008

Comentários  

#11 Aline Pottier 25-09-2008 11:28
Adorei esse texto! Como sempre você escreveu muito bem!
um beijo da amiga virtual,
Aline
+5 #10 Aline Pottier 25-09-2008 11:28
Adorei esse texto! Como sempre você escreveu muito bem!
um beijo da amiga virtual,
Aline
#9 Nildon 23-09-2008 05:45
Devido ao pequeno espaço aqui proposto, fica complicado desenvolver melhor a resposta. Assim, aconselho a leitura de Carl Sagan, entre outros entusiastas da ciência. Em breve postarei outro artigo desenvolvendo melhor o tema. Abraços.
#8 Nildon 23-09-2008 05:42
Outro ponto é porque as pessoas temem, e/ou ojerizam tanto a razão? Caso acredite em no deus cristão, nós fomos feito imagem e semelhança dele, assim se podemos ser racionais, foi algo que ele nos deu, logo não faz sentido não usarmos. Caso não acredite entra a outra questão, porque colocamos em dúvida tudo que a ciência apresnta como fato (algo extremamente importante, saudável e indispensável para o crescimento da ciência como instituição) e não fazemos isso quando alguns Homens dizem que viram, presenciaram ou qualquer outra coisa relacionada a fé?
#7 Nildon 23-09-2008 05:35
Assim, existem fatos e existem dogmas. Da mesma forma como a ciência vive de experimentos, teorias e etc., a religião vive da fé, de acreditar no que não se comprova. O engraçado dessa história é que a ciência não se preocupa em desvalidar a fé. O oposto já não é verdadeiro, basta analisar as histórias da religiões. Outro ponto é a confusão entre razão e racionalismo, dois termos aparentemente iguais, porém com cargas diferentes.
#6 Álvaro Luís 21-09-2008 22:54
Interessantes as perspectivas, mas...
Explicar o que se pode ser visto é fácil para os Cientistas, talvez nem seja fácil, já que muitos perderam sua vida e outros levaram a vida toda para que CRESSEM nas conclusões que hoje conhecemos como leis!
Mas e o que a razão tem a ver com a Fé? Eu diria, nada; uma vez que as perguntas que a fé responde, a razão não se interessa!
Mas tenho uma pergunta para você? Pode você perscrutar a RAZÃO desta centelha de vida que brota do seu Espírito, clamar por algo que você nem sabe a resposta? Nós somos passageiros, mas de um desejo eterno! A fé isso responde!
#5 Álvaro Luís 21-09-2008 22:54
Interessantes as perspectivas, mas...
Explicar o que se pode ser visto é fácil para os Cientistas, talvez nem seja fácil, já que muitos perderam sua vida e outros levaram a vida toda para que CRESSEM nas conclusões que hoje conhecemos como leis!
Mas e o que a razão tem a ver com a Fé? Eu diria, nada; uma vez que as perguntas que a fé responde, a razão não se interessa!
Mas tenho uma pergunta para você? Pode você perscrutar a RAZÃO desta centelha de vida que brota do seu Espírito, clamar por algo que você nem sabe a resposta? Nós somos passageiros, mas de um desejo eterno! A fé isso responde!
#4 Bruxa dos Contos 08-09-2008 11:03
É totó, aqui n é mais o Kansas ... rs

Vc escreve bem.
Teu texto foi uma verdadeira aula e nada cansativa.
Ao contrário, uma 'aula' fascinante.

Ainda bem q deixaram de queimar os hereges em fogueiras, se nao .. coitado do professor !

Parabéns.

Beijo da Bruxa
+5 #3 Bruxa dos Contos 08-09-2008 11:03
É totó, aqui n é mais o Kansas ... rs

Vc escreve bem.
Teu texto foi uma verdadeira aula e nada cansativa.
Ao contrário, uma 'aula' fascinante.

Ainda bem q deixaram de queimar os hereges em fogueiras, se nao .. coitado do professor !

Parabéns.

Beijo da Bruxa
#2 Liz 02-09-2008 20:35
Gostei da forma como abordou e desenvolveu o tema!
beijo

Deixe seu comentário
É preciso estar "logado".

Curtir no Facebook

Autores.com.br
Curitiba - PR

webmaster@number1.com.br

whatsapp  WhatsApp  (41) 99115-5222