person_outline



search

PT e PSDB

    PSDB e PT são dois lados de uma mesma moeda. São, originalmente, e em certo sentido, filhos da social democracia europeia. Todavia, os tucanos se renderam, sem freios, ao consenso de Washington e ao conservadorismo, o que esvaziou por completo o conteúdo social da sigla. Sendo assim, saiu da centro-esquerda para militar com fervor na direita mais reacionária e perversa. O PT, por sua vez, nasceu com o discurso de modernizar a agenda política da esquerda, na tentativa de compatibilizar o mercado e o pluripartidarismo com o projeto de um socialismo moderno, diferente do adotado no Leste europeu. Quando no poder, a sigla fez alianças com setores antes duramente criticados e barganhou cargos em troca da governabilidade. Desse modo, reproduziu,  ampliou o clientelismo e as práticas patrimonialistas que combateu no passado. No entanto, cabe salientar que o PT, apesar de ter se aliado a setores reacionários de nossa política, manteve seu projeto de poder alinhado com exitosas políticas sociais, que mudaram o Brasil.
   Comparando os governos, fica patente a superioridade do governo petista sobre o governo tucano. Em todos os índices, inclusive no combate à corrupção. Isso não significa negar a importância do PSDB, que fez reformas importantes no intuito de modernizar o país. Entretanto, reforçando o que fora dito antes: O PT soube construir e reconstruir sua imagem e, aliado a uma série de programas de cunho assistencialista e social, chamar a população para o seu lado.  Portanto, longe de ser um partido que pretende instalar uma ditadura comunista, o PT deu provas cabais de ser um mero gestor do Capital(verifiquem a lucratividade dos bancos). A diferença reside no fato de que o PT é mais competente que o PSDB. Simples assim. 
Pin It
Atualizado em: Dom 15 Jul 2018

Deixe seu comentário
É preciso estar "logado".

Curtir no Facebook

Autores.com.br
Curitiba - PR

webmaster@number1.com.br

whatsapp  WhatsApp  (41) 99115-5222