person_outline



search

SALVAÇÃO

Vivia sem razão,

Sem ter o que encontrar,

Olhava o horizonte e não via o paraíso,

Os meus pensamentos vagavam no escuro,

Não tinha motivos para sorrir,

Percebia as estrelas e não enxergava o brilho,

Os meus olhos não notavam o céu,

Minha alma perdida rodeava o abismo,

Um enorme vazio me envolvia,

Acho que não restava muito de mim,

Mas em meio a um sacrifício,

Não desprezaste ó Deus,

Meu espírito quebrantado e o coração contrito,

Ensinaste-me o seu caminho e então me converti,

E me deste a alegria da sua salvação.
Pin It
Atualizado em: Seg 24 Set 2007

Comentários  

#4 Edgar Ramalho de Freitas 27-09-2007 12:24
Cada um que faça o bem
Tenha amor no coração
Não faça o mal a ninguem
Pra ganhar a salvação

Ganhará de Deus o perdão
#3 Edgar Ramalho de Freitas 27-09-2007 12:24
Cada um que faça o bem
Tenha amor no coração
Não faça o mal a ninguem
Pra ganhar a salvação

Ganhará de Deus o perdão
#2 Edgar Ramalho de Freitas 27-09-2007 12:24
Cada um que faça o bem
Tenha amor no coração
Não faça o mal a ninguem
Pra ganhar a salvação

Ganhará de Deus o perdão
#1 Edgar Ramalho de Freitas 27-09-2007 12:24
Cada um que faça o bem
Tenha amor no coração
Não faça o mal a ninguem
Pra ganhar a salvação

Ganhará de Deus o perdão

Deixe seu comentário
É preciso estar "logado".

Curtir no Facebook

Autores.com.br
Curitiba - PR

webmaster@number1.com.br

whatsapp  WhatsApp  (41) 99115-5222