person_outline



search

"Novelas, Filmes e Músicas": Novelas brasileiras, parte 3, "O Tempo Não Para"

     Viagens no tempo são sempre fascinantes! E em arte, muitas vezes estamos mais frequentemente habituados a ver visitas do presente e futuro para o passado. Mas a abordagem de aparições de personagens do passado rumo ao presente e ao futuro oferece um leque para muitas surpresas... É interessante, porque se alguém vai do futuro para o passado leva vantagem, pois já sabe os pontos-chave do mundo ao qual se entrega. Mas quando se vem do passado para o futuro, não vai aterrissar suavemente, não estará diante de algo só novo... Muita coisa será até mesmo inimaginável! E isso talvez seja representado de maneira ainda mais concentrada logo no início da novela, onde o autor provavelmente vai retratar as fortíssimas discrepâncias existentes entre as duas realidades.

     Imagino como seria a reação de uma personalidade de época, desembarcando hoje em dia, em algum lugar bem diferente, seja pelo clima, vocabulário e até mesmo sociedade do qual ela frequentava... E ninguém a reconhecesse... Isso, no caso da personagem gostar de ser paparicada, se achando no direito de ser idolatrada, igual se consideravam algumas rainhas e reis que comandaram seus povos a alguns séculos. Também me deixo levar em fabulosas suposições sobre como se portariam pessoas pouco conhecidas no início de suas vidas em outras épocas, se viajassem no tempo antes de conquistar a fama em seu "lar" , e, no futuro, as pessoas as reconhecessem... Com certeza ficariam extremamente perdidas, querendo saber o porquê de todo o alvoroço!

     Recomendo os filmes "Os Viajantes do Tempo", de 2001 (Aprecio demais a altíssima performance que Jean Reno e Christian Clavier dedicam aos seus papéis na obra) e "Kate & Leopold", também de 2001... O primeiro, vai mais para o lado da comédia... Esse filme é muito louco... Fico horrorizada com algumas cenas em um restaurante moderno, protagonizadas pelo servo interpretado pelo Clavier, rsrsrs... Vida de plebe era bem tensa! Mas, calma... Existe solução! O filme cuidou de tudo... O desfecho para esse personagem também foi legal!

     A segunda obra, tem um enfoque romântico... O filme começa com o Leopold chegando do passado e na "segunda parte", a Kate vai ao passado encontrar-se com seu amado. Uma das coisas mais cativantes em obras desse estilo, é o jeito deslocado dos recém-chegados. Aliás, essa minha frase anterior revela um desejo meu quanto à novela... Se possível, que a obra não se apresse em modernizar os "visitantes"... Os personagens necessitarão aceitar e aprender a conviver com os recursos atuais. Mas tudo será ainda mais especial se eles conseguirem conservar a energia única de quem "vem de longe"!

     Mas retornando à novela... Adorei o jeito do cachorrinho Pirata... Fiquei muito feliz por ele estar entre os sobreviventes! Assim como foi excelente a escolha de trazer o Teófilo para o presente. Pesquisando sobre a novela, descobri que ele vai acordar desmemoriado e perdido no tempo e na cidade... Imagino as cenas hilárias para as quais essas circunstâncias irão contribuir! O potencial de um personagem com a conduta dele é infinita! No primeiro capítulo, ele, em sua época, já sofria com as reprimendas do patrão pelo fato de se expressar com muitos pormenores... Imaginem então o que lhe acontecerá nos dias atuais, nos quais são "deletados" cada vez mais caracteres e se espera que tudo seja executado à jato! Mas confesso que tenho uma suspeitinha que, por um momento atravessa os modos um tanto desastrados dele... No primeiro capítulo, ainda em sua época, Dom Sabino se espanta com o custo da festa que planejava oferecer para sua filha, cujos valores haviam sido apresentados pelo guarda-livros da família... Espero que Teófilo não tenha manipulado as contas para se favorecer de alguma forma!

     Li em um site que o autor definiu sua obra como "puro nonsense"... E, na minha opinião, criações assim são maravilhosas! Coisa mágica é sentar em frente à uma TV e se impressionar com uma novela, filme ou minissérie bem mirabolante... Do tipo que faz a gente ser transportado pelos inúmeros Universos que brilham lado a lado com a História! Já fiquei encantada ao assistir aos primeiros capítulos! Quando artistas viajam em pensamento e se divertem ao explorar os tempos, tudo fica infinitamente belo! Transmitem Amor pelo que fazem! E mais do que isso, permitem que o público não somente testemunhe, mas descubra dentro de si a infinitude que são capazes de desbravar ou construir! Novela perfeita é aquela pela qual me sinto convidada à formular as teorias mais absurdas à cada minuto que passa!

     E com essa já tem tanta coisa passando pela minha mente... Me levando a tentar me antecipar às sequências naturais da obra! Rsrsrs... Peço perdão ao autor, por minhas versões insanas. Mas simplesmente não consigo evitar, vejo as cenas e vou processando possibilidades! Fico pensando:

     "Será que novos congelados aparecerão? Pode haver outro bloco de gelo!"
     "Alguém sobreviveu ao acidente e continuou a vida em sua própria época?"
     "O que as pessoas que não estavam no navio mas conheciam os passageiros, fizeram a partir da notícia do acidente?"
     "O que aconteceu com os que estavam no navio e não sobreviveram em sua época nem ficaram congelados? Será que ao longo da obra, uma pessoa ou mais será mostrada como reencarnada nos tempos atuais e irá cruzar o caminho dos que foram encontrados congelados? Se isso acontecer, talvez ela sinta um reconhecimento pelo sobrevivente e nem saiba explicar a razão. A mesma coisa pode ocorrer da parte de um dos congelados em relação à reencarnada!"

     Essas minhas últimas aspas até já desenvolvi um pouco mais... O Samuel pode ser alguém do passado que não tinha conhecido a Marocas pessoalmente, mas viu o retrato dela (Aquele que estava sendo criado no primeiro capítulo da trama, na época dela) , a admirou e sofreu ao saber de sua "morte"... O tempo passou, ele renasceu e ao vê-la no bloco de gelo, parada como na pintura, seu coração foi novamente tocado. E vai ter um rival "de época" bem enjoadinho, hein, rsrsrs! Bento tem "um quê" de quem vai aprontar!

     Parabéns e aplausos para os envolvidos nessa magnífica trama! Vocês já são Sucesso, um Show ostentando talento verdadeiro!!!

     Cada vez mais Felicidade e Harmonia para todos!
Pin It
Atualizado em: Dom 5 Ago 2018

Deixe seu comentário
É preciso estar "logado".

Curtir no Facebook

Autores.com.br
Curitiba - PR

webmaster@number1.com.br

whatsapp  WhatsApp  (41) 99115-5222