person_outline



search
  • Artigos / Textos
  • Postado em

Em algum lugar

Como pode um
poeta bastar-se de si mesmo, sem a necessidade de absorver o externo e viver a
poética de sua cidade, ainda mais uma cidade como São Paulo, onde cada esquina é
um verso, onde cada casa transpira historias, onde existem poetas e escritores a cada
quinhentos metros, cada um escrevendo sua vida e suas confissões, mas era como se
eu pudesse encontrar todas as confissões em mim mesmo; era como se todas as
prostituas, vagabundos, poetas, boêmios, mães, mendigos, jornaleiros, engraxates e
artesãos estivessem em mim, e na paisagem que eu imaginava e nos textos que eu
criava, estavam todos ali, conversando e sorrindo para mim, me contando segredos
para que assim eu os transformasse em poesia.
Pin It
Atualizado em: Qui 31 Ago 2017
  • Nenhum comentário encontrado

Autores.com.br
Curitiba - PR
Fone: (41) 3342-5554
WhatsApp whatsapp (41) 99115-5222