person_outline



search
  • Poesias
  • Postado em

Você ainda não entendeu

Eu sei de muitas mentiras que te contaram
Pobres gerações das quais os raciocínios eles cortaram
Ganharam a guerra, amaldiçoaram a terra e a historia foi mudada
pobres da voz que falava verdade e agora se encontra calada
Me revolta a maldade e me revolta a injustiça
Malditos sejam aqueles que se apoderam do estado somente pela cobiça
O povo se encontra totalmente alheio, alienação maciça
Mas eu temo pelos inocentes que não tem acesso a verdade
Pois eles passarão pelo furacão, enfrentarão a essência da maldade

Será que você não entende?
Que não importa o que haja quem se ferra é a gente?
Será que você não percebe?
Que desarmados é mais fácil conter a plebe?
Ou será que só não ver mesmo?
Já que confrontar a verdade é mais difícil que seguir a esmo

O mundo tá ruim, isso é inegável
Mas não é feminismo na rua que vai nos tirar desse estado deplorável
Mostrar os peitos é fácil, quero ver mostrar consciência
Não vulgariza teu corpo, porque ai você perde a essência
Movimentos sociais, lotados de mentiras e causas banais
Agora vem esse monte de playboy defender a cracolândia?
Nunca teve um viciado na família e se acha o entendedor
aqui é brasil, a "corruptolandia"
Bem vindo ao verdadeiro terror

Será que você não entende?
Que esses movimentos sociais são só manobra?
Que o projeto de poder deles é a verdadeira obra?
Será que você ainda não consegue ver
Que o plano deles é acabar com a sociedade e te deixar pra morrer?
Me desculpe, mais é que diante do que está por vir
Você precisa saber que o teu sonho de igualdade nunca poderá existir

No choro e na agonia
Mesmo assim na esperança de mais um dia
Pessoas tentam viver normalmente,
tapam seus olhos, blindam a mente
Tentam viver pra não perceber que o sangue dos que morreram está quente
Muitos perguntam a si mesmos como será daqui pra frente
60 mil assassinatos ano passado a sangue frio
E tudo com carimbo oficial da república federativa do brasil
Pin It
Atualizado em: Sáb 15 Jul 2017

Pessoas nesta conversa

Autores.com.br
Curitiba - PR
Fone: (41) 3342-5554
WhatsApp whatsapp (41) 99115-5222