person_outline



search
  • Crônicas
  • Postado em

Sonho Bom

     Hoje sonhei com algo bom. Não sei ao certo, pois sempre me esqueço dos meus sonhos. Sei que o mundo era mais colorido, as pessoas se amavam incondicionalmente, o homem ainda puxava o arado e participava ativamente da produção do pão do qual ele comia. Eu via o homem com a semente, trabalhando a terra, produzindo seu próprio alimento. Não existiam máquinas, bancos e filosofia. Era mais fácil de viver. Crianças corriam no meio da poeira vermelha, pintavam os lábios das cores das frutas que colhiam no pé. Era quente, não chovia e a gente estava sempre feliz.
   A noite não anoitecia, era sol com estrelas. Deitava e não dormia. O cansaço não me atingia. Era tudo claro, limpo e belo. O amor brotava no olhar e refletia em gestos. Nada doía, não tinha escuro e nem pesadelos. As camas eram macias, descansava vendo o sol e as estrelas, não sentia falta da lua.
   O rio também era mar. Pescar, correr e plantar. Viver, sorrir e cantar. A vida era uma poesia bela, bucólica e boa. Aquilo tudo parecia um sonho, afinal era um sonho. Um sonho bom.
   Meu dia amanheceu igual, cheio de tarefas, responsabilidades e sono. Meu sonho infantil não mudou em nada minha vida, no entanto, ocasionou uma expectativa, me deixou confiante no que podemos ser simbolicamente. Eu posso afirmar seguramente que tive um sonho bom. E se ele não mudou o mundo, garanto que me trouxe esperança.

Pin It
Atualizado em: Dom 19 Jul 2015
  • Nenhum comentário encontrado

Autores.com.br
Curitiba - PR
Fone: (41) 3342-5554
WhatsApp whatsapp (41) 99115-5222