person_outline



search
  • Ficção
  • Postado em

doce vingança

24/03/86

Já são quase meia noite e ainda não me veio o sono, minha alma ainda está meio perturbada, tenho medo de dormir e acordar como se estivesse vivendo tudo de novo. Não sei se vou conseguir por fim há essa onda de crimes, mas não vou parar de tentar.

Quero que ela pense que desisti da minha vingança até conseguir provas de seus crimes. Não quero que ela viva fazendo suas maldades, não quero que ninguém passe de novo pelo que passei, pois minha  infância vivi sendo estuprada quase todas as noites, por um velho fétido que fedia a cigarro, por culpa dela perdi minha vida.

Tive que me esconder, não dava mais pra ficar lutando com Teodora frente á frente. Decidir que vou jogar como ela, por debaixo dos panos.

Tenho uma amiga, que conheci no ponto, o nome dela é Caroline, era a mais procurada pelo os homens e até mulheres. Não sei como ela conseguiu me encontrar, mas me mandou um email, para que nos 

entrássemos em um bar em São Paulo, Rooling bar  era como o bar se chamava.

-você está ótima Eva! Foi o que me dissera quando me viu, estava muito deferente fazia seis meses que não a via,  mas ouvi da Camila uma vez que não estava mais no ponto, que largou tudo e se mudou pra São Paulo e que estava bem de vida. –não pense só porque estou rica, que esqueci das minha amigas de ponto. soube que Camila foi assassinada. – é nunca se sabe o que vai acontecer com á gente nesses lugares não é?

Não senti que deveria contar a verdade, que Teodora minha tia que á havia assassinado, para que não houvesse com quem me esconder, pois se eu contasse, talvez  ela não me ajudaria.

-como é que você está vivendo Eva?. –é meio delicado falar disso as coisas não estão muito boas pro meu lado, estou morando em um hotel oeste de São Paulo, é bem simples tem ate uns ratos, vizinhos que se espancam todas as noite. para me fazer companhia. – como? Não  de jeito nenhum você vai ficar nesse lugar. Vem morar comigo não posso te deixar assim.

Realmente eu estava morando nessas situações, mas com menos dificuldades do que pareceu. Tenho muito dinheiro, o suficiente para eu acabar com Teodora mais não e só acabar com ela que eu quero. Quero 
Pin It
Atualizado em: Qua 20 Mar 2013
  • Nenhum comentário encontrado

Curtir no Facebook

Autores.com.br
Curitiba - PR
Fone: (41) 3342-5554
WhatsApp whatsapp (41) 99115-5222