person_outline



search
  • Prosa Poética
  • Postado em

POEMA PARA A MULHER QUE AMO IV (Relato)

Sei que viver sem ti
Será minha ruína,
Meu desespero;
Meu martírio;
Meu sufoco;
Minha maior perda,
E meu louco fracasso.

Tu me levaste por caminhos iluminados,
Beijaste-me com beijos demorados;
Amaste-me com um amor prolongado;
Abristes meus olhos
Para ver as estrelas brilhando
Em plena luz do dia,
E quando pensei que ainda era dia,
Já havia anoitecido nos teus abraços.

Fez-me acreditar que sonhar é mesmo maravilhoso,
Que chorar não é assim tão doloroso;
Que perdoar é divinamente bondoso;
Que aprender é um ato mui ditoso,
E que amar de verdade,
É nada mais que de Deus.

Por isso aprendi contigo como sorrir alegremente;
Como viver deliciosamente;
Como ser eu mesmo, simplesmente;
Como cantar minhas canções mais docemente;
Como descobri que num simples dia,
As coisas acontecem,
E podemos conhecer a felicidade.
Pin It
Atualizado em: Sex 11 Ago 2017
  • Nenhum comentário encontrado

Autores.com.br
Curitiba - PR
Fone: (41) 3342-5554
WhatsApp whatsapp (41) 99115-5222