person_outline



search
  • Poesias
  • Postado em

Intrusa

Se não houvesse esse
Aperto no peito,
Poderiam as palavras fluir
Na direção da brisa fria,
Assim como as folhas combalidas, que sempre se achegam no outono,
Para se eternizarem nas
Poesias.

Próximo a elas,
As cigarras cantam num
Ritmo arranhado e confortável,  talvez querendo dizer:
"I will survive";
"Hasta la vista, baby";
"Olhai os lírios dos campos" ...
 
Entoam tudo que podem e,
Depois, gargalham diante da
Vida que compreendem e apreciam.
........
Uma folha vem com o vento,
Nos diz bons-dias e vai ...
Outra folha a segue, e mais uma,
Mais duas, três, mil, tera.
As acompanho até o bueiro, onde ingressam
Num mundo de portas fechadas  para mim, uma intrusa. 
Pin It
Atualizado em: Qui 30 Mar 2017
  • Nenhum comentário encontrado

Autores.com.br
Curitiba - PR
Fone: (41) 3342-5554
WhatsApp whatsapp (41) 99115-5222